Segundo Maturana

…”ao mesmo tempo em que o amor nos tornou humanos, também nos fez seres fisiologicamente dependentes dele, e assim suscetíveis a que sua perda altere o nosso bem-estar psíquico e somático.” 

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s